Pensée

Falar de amor... é deixar o amor falar.

Textos



Concupiscência
 

Na doce mansidão de tuas curvas
Derrapa o meu desejo sempre em alta;
Concupiscência ousada que me assalta
Me deixa ansioso, de ideias turvas.
 
O tempo perdido nas contracurvas
Com certeza, depois, me fará falta…
Pois tua libido já se aperalta
E no meu corpo tudo são recurvas.
 
Assaz cansados e nada ditosos
Continua a saga da teimosia
O que nos deixa bem mais ansiosos.
 
Juntos investimos na fantasia;
Momentos solenes, tão esperançosos...
Que despoletam a nossa alegria.
 
 
24/03/2018
Lucibei@poems
Lúcia Ribeiro
In ”Sonetos”
 
 

 
Lucibei
Enviado por Lucibei em 24/03/2018
Alterado em 24/03/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras