Pensée

Falar de amor... é deixar o amor falar.

Textos




Batalhando


Eu sinto, em mim, uma tristeza enorme.
Sou a batalha entre o dever e o prazer
Batalha indómita que urge vencer…
A minha luta, luta desconforme.
 
Duelo intenso na alma que não dorme.
Cérebro febril, sem transparecer
Num corpo que não quer esmorecer…
Teimando em lutas que tudo transforme.
 
Assim, passam os dias da semana.
Assim, passam todos os meses do ano…
Num carrossel oito da mente humana.
 
Gerindo o religioso e o profano
Tento a alma salvar duma vida insana…
Sorvendo a vida até ao tutano.

 
 
Lucibei@poems
Lúcia Ribeiro
In “Sonetos
20/05/2018

 
Lucibei
Enviado por Lucibei em 20/05/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras