Pensée

Falar de amor... é deixar o amor falar.

Textos




Morrer amando
 
 
Nosso amor habita no lusco-fusco
De olhares indiscretos escondido
Um amor radiante, muito sentido
Mui dócil, carinhoso e nada brusco.
 
Com o brilho desse teu olhar me ofusco
Acho-te num tropeçar consentido
Num esbracejar meigo e divertido
Encontro tudo aquilo que mais busco.
 
É bom sentir esta felicidade
Viver ao rubro emoções, desejo...
Sem as maleitas do corpo ou da idade.
 
Entregar-me ao amor sem qualquer pejo
Esbanjar carinho, sensualidade...
E morrer amando, enquanto versejo.



Lucibei@poems
Lúcia Ribeiro
In “Sonetos
08-06-2018

 
Lucibei
Enviado por Lucibei em 08/06/2018
Alterado em 08/06/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras