Pensée

Falar de amor... é deixar o amor falar.

Textos



*Soneto elaborado a partir de dois versos de, duas grandes poetas portuguesas. (Imagens retiradas da Internet.)

“De amor nada mais resta que um Outubro” Natália Correia
“Prender ou desprender? É mal? É bem?” Florbela Espanca
 


Coisas de mulheres
 

De amor nada mais resta que um Outubro
Prender ou desprender? É mal? É bem?
Viver eternamente presa a alguém?
Mortificada, entre lençóis me cubro.
 
Num afã prazeroso o amor descubro
Mitigando a falha que dele advém;
Urdindo a chama que a vida mantém
Mantendo corpo e alma bem ao rubro.
 
Com o corpo e alma repletos de amor
Não cabe em si, o coração de contente
Vivenciando, embora, algum temor.
 
Porque da atração não guarda a semente
Que lhe permite manter o fulgor…
Planta a lascívia no corpo dolente.
 

 
Lucibei@poems
Lúcia Ribeiro
In “Sonetos
15/06/2018

 
Lucibei
Enviado por Lucibei em 15/06/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras